Tenografia (Exame dos Tendões) – Como é feito?

A Tenografia é um exame de radiografia que utiliza contraste, permitindo avaliar roturas tendíneas, alterações pós-traumáticas ou inflamatórias, além das lesões do ligamento calcâneo fibular.Com a injeção de contraste na bainha tandínea é possível constatar a integridade de um tendão.

A Tenografia é indicada para o estudo nas regiões do calcâneo, dos fibulares, do tibial posterior, do flexor longo dos dedos e do flexor longo do Hálux.

exame dos tendões como é feito

Causas da Tenografia

A Tenografia é um exame normalmente utilizado em distúrbios tendíneos, resultado, na maioria das vezes, de traumas (rupturas) classificadas como aberta e fechada. Invariavelmente estão associadas a lesões de pele, nervos e artérias, além de condições degenerativas não inflamatórias e inflamatórias (tendinite, peritendinite, tenossinovite, entesite, etc).

Sintomas da Tenografia

O sintoma básico éa dor. Dependendo de onde a inflamação está localizada, há também sensibilidade da área, inchaço e rigidez. Se existe um histórico de dor, ou seja, se o paciente sentiu uma dor forte em alguma articulação, é preciso procurar um especialista para que o problema seja diagnosticado e tratado da maneira correta.

As técnicas de exame não diferem-se significativamente, sendo elas nas mãos ou nos pés.

Procedimentos

A Tenografiaé feita em um aparelho de raio-X, associado ao uso do contraste, no qual uma agulha de calibre 22 é introduzida na bainha sinovial do tendão, com a extremidade direcionada distalmente.

tenografia como é feitaPara facilitar a observação completa dos tendões, é preciso utilizar um produto de contraste. Dessa forma,são injetados cerca de 15 a 20 mL de contraste, sob a orientação do fluoroscópio, a fim de aumentar a capacidade diagnóstica. Em seguida, são realizadas as radiografias padrão.

O líquido de contraste é refletido pelos raios emitidos pela máquina, que bloqueia os raios-X,aparecendo com uma coloração diferente nas imagens tiradas, permitindo, assim,uma visualizaçãomelhor da estrutura.

Em diversos casos, é indispensável o uso do contraste para se ter um diagnóstico mais preciso, sendo que, normalmente,ele é composto por iodo.Existem diversos tipos de contrastes radiológicos, cada um com especificidades e indicações diferentes.

No caso da Tenografia, essa técnica de imagem gera visões globais da parede interna da bainha, mas não pode apreciar a espessura da parede como a ultrassonografia.Em alguns casos, indica-se jejum de, no mínimo, 4 horas antes da realização deste tipo de exame.

Após exame e diagnóstico, será indicado o tratamento adequado nas lesões apontadas, sendo indispensável o acompanhamento especializado pós-consulta.

Precauções

Componentes de contraste utilizados em diagnósticos por imagem podem desencadear complicações no paciente. Uma avaliação prévia deve ser feita para que um exame não seja prejudicial.

Coceira, irritação, tontura e vômito são algumas das reações que podem ocorrer em quem faz diagnósticos por imagem.

Caso o paciente tenha alergia a alimentos, medicações ou possua histórico de asma ou qualquer outra ocorrência desses sintomas em exames anteriores com contraste, estas situações devem ser informadas ao médico, antes da realização de um novo exame.

A principal contraindicação do uso de contraste é a presença de insuficiência renal,pois pode ser tóxico ao tecido, piorando a função do rim.Apesar dos riscos de reações adversas, mesmo as mais leves, o paciente precisa confiar na recomendação de seu médico.

Em alguns casos,é necessário parar de tomar alguns medicamentos de 2 a 5 dias antes do procedimento, sendo, por isso, muito importante informar o médico sobre os remédios que se está tomando.

Mulheres que sabem ou suspeitam que estão grávidas devem sempre informar os profissionais de saúde antes de realizar o exame.

Cuidados depois do exame

Para o alívio da dor, a primeira orientação é o descanso. Não repita o movimento que você está acostumado a fazer e fique com a parte dolorida em repouso. Você também pode fazer compressas frias para diminuir o inchaço e o incômodo.

Nas 24 horas seguintes ao exame,não se deve fazer atividade física, permanecendo em repouso, para evitar sangramentos. Os medicamentos de uso habitual só devem ser tomados quando o médico indicar.

Analgésicos e anti-inflamatórios são indicados, porém a automedicação nunca deve ser realizada. É recomendável consultar um especialista que indicará o melhor remédio para o tratamento.

O profissional também pode orientar a colocação de talas com o objetivo de imobilizar a articulação atingida, por alguns dias. Munhequeiras e tornozeleiras são as mais usadas.

Preço

O preço da Tenografia pode variar de acordo com o local do corpo a ser verificado, assim como a clínica selecionada.

Recomendados para você:


Ajude a melhor ainda mais o site, avalie:

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (No Ratings Yet)
Loading...

Leave a Reply