Ortopedia – Saiba tudo sobre a profissão: salário, formação e funções

A Ortopedia é uma especialidade médica que tem como finalidade realizar a prevenção, o diagnóstico e o tratamento de doenças, disfunções e lesões relacionados à locomoção do ser humano, por meiode ossos, músculos, ligamentos, nervos, tendões e articulações.

No Brasil, a área de ortopedia tem alta demanda por médicos, em especial em regiões mais remotas.

Conheça mais sobre a carreira de Ortopedia:

  • Como funciona o campo de estudo;
  • Exames e procedimentos da área;
  • Salário;
  • Como ser um ortopedista;
  • Quando procurar um médico dessa especialidade.

Vamos lá?

ortopedia funções

Funções de um Ortopedista

A Ortopedia é uma especialidade cirúrgica e, por esse motivo, um ortopedista se vê com um dia a dia atribulado: é uma mistura de cirurgias e atendimentos em consultório.

A ideia principal das funções de um ortopedista é simples, pois se baseia na correção das deformidades, no reestabelecimento das funções e no alívio da dor, desde que tudo isso seja derivado de qualquer patologia dos tecidos musculoesqueléticos.

Por isso, é correto afirmar que o ortopedista pode:

  • Prevenir que ocorram possíveis lesões;
  • Solicitar e fazer a leitura de exames detalhados e específicos, para descobrir as razões do problema;
  • Saber orientar o paciente sobre o tratamento;
  • Recomendar os cuidados que o paciente deve ter durante o tratamento;
  • Indicar uma equipe de fisioterapia para auxiliar na recuperação do paciente;
  • Prescrever as medicações necessárias;
  • Fazer o acompanhamento da recuperação do paciente;
  • Observar os progressos;
  • Recorrer ao médico traumatologista, se for necessário;
  • Zelar pelo bem-estar do paciente.

De um modo geral, o ortopedista deve promover o correto tratamento para garantir a reabilitação do sistema lesionado que afeta a locomoção do indivíduo.

Por curiosidade, a maioria dos ortopedistas permanecem atuando na Ortopedia geral, enquanto alguns procuram se especializar no tratamento de um determinado sistema locomotor, como do pé, da mão, dos ombros, da coluna, dos joelhos, do quadril, etc. Ainda, existem outros ortopedistas que se especializam em Pediatria, em trauma (Traumatologia) ou em Medicina do Esporte.

Ortopedia – Exames e procedimentos solicitados

Abordando-se uma consulta eletiva – ou seja, quando não são emergências ou quadros de urgência –, o ortopedista realiza, em primeiro lugar, uma entrevista atenta com o paciente, de modo que seja possível entender queixas, estilo de vida, perfil clínico e ambiente ocupacional.

Por exemplo, o seu ortopedista pode fazer outras questões que achar relevante para fazer uma boa investigação diagnóstica.

O exame físico é meticuloso e fundamental, pois o especialista determinará, a partir daí, quais serão os exames complementares a serem realizados. Alguns exemplos são:

  • Exames de imagem, como radiografia e tomografia computadorizada;
  • Eletroneuromiografia;
  • Densitometria óssea;
  • Ressonância nuclear magnética;
  • Hemograma completo.

É claro que os exames que serão solicitados pelo médico ortopedista irão depender da avaliação preliminar (o exame físico) e do tratamento que já pode vir a ser iniciado. Outras análises poderão ser pedidas pelo ortopedista nas consultas posteriores.

Salário e como ser um ortopedista?

O piso salarial para médicos atuantes por 20 horas semanais é de R$ 14.134,58, valor estabelecido pela Federação Nacional dos Médicos (FENAM), para o ano de 2018.

No entanto, o salário médio para um ortopedista pode variar bastante. Existem profissionais da área que podem ultrapassar os R$18.000,00 por mês, enquanto que assalariados em empresas privadas podem ter valores entre R$3.000,00 a R$7.000,00.

Cada região do país pode apresentar variações no salário de um ortopedista, assim como cargos no funcionalismo público e profissionais autônomos.

Para se tornar um ortopedista, você precisa, primeiramente, fazer o curso de Medicina, que tem duração de seis anos. Após isso, você já pode se registrar no Conselho Regional de Medicina (CRM).

Para ter o título em Ortopedia, você deve especializar-se na área, podendo ser por meio de pós-graduação ou cumprindo residência por 3 anos.

O campo de Ortopedia é bem concorrido, já que é um campo cheio de oportunidades. No entanto, vale destacar que, além do conhecimento obtido por meio da faculdade e residência, você deve gostar de ajudar as pessoas e saber da importância de zelar pela saúde e pelo bem-estar dos seus pacientes.

ortopedia salário

Quando procurar um Ortopedista?

Já que a Ortopedia é a especialidade da Medicina que tem como foco tratar o sistema musculoesquelético, é ideal que se procure um médico dessa área quando existir qualquer desconforto constante nas regiões específicas da Ortopedia, como coluna, joelhos, quadril, ombros, mãos, pés, entre outros.

Os casos mais comuns que acabam chegando nos consultórios dos ortopedistas são as dores nas costas (lombalgias). São esses médicos também que avaliam a correta postura e a pisada de um indivíduo, evitando problemas de saúde no futuro.

Nesse caso, qualquer sinal de dor ou desconforto em músculos, ossos ou articulações, você deve procurar um bom ortopedista, que você tenha confiança, para que ele trate qualquer problema. Dependendo do quadro, o médico poderá atuar em conjunto com um traumatologista e um médico neurologista.

Recomendados para você:


Ajude a melhor ainda mais o site, avalie:

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (No Ratings Yet)
Loading...

Leave a Reply