Linfadenectomia Cervical, Ingual, Pélvica – Como feito? Riscos

Você já ouviu falar na linfadenectomia? Ela consiste em um procedimento cirúrgico que visa a remoção dos linfonodos.

O organismo humano é bastante complexo. Portanto, torna-se necessário que, primeiramente,seja identificado o significado do que são os linfonodos e qual a função deles no corpo humano.

Vamos desvendar essa cirurgia, nomeada como linfadenectomia?

Conhecendo os linfonodos

linfonodos do corpoOs linfonodos são estruturas pequenas, que fazem parte do sistema linfático eque possuem uma estrutura comum aspecto ovoide. Esses localizam-se nos vasos linfáticos a fim de transportar o fluído, nomeado de linfa.

A linfa corresponde a um fluído transparente, que tem o propósito de auxiliar no transporte e na remoção de substancias em várias partes do corpo humano.

Além disso, a linfa promove a eliminação das impurezas na corrente sanguínea, por meio do auxílio aos linfonodos.

A função dos linfonodos está ligada ao sistema imune, pois eles possuem a capacidade de reter micro organismos.

Existem inúmeros locais no corpo que possuem linfonodos, como:

  • Nuca;
  • Pescoço;
  • Submandibular;
  • Em frente e atrás da orelha;
  • Supra claviculares;
  • Em frente aos cotovelos;
  • Axilas;
  • Virilha;
  • Atrás dos joelhos;
  • Nas mamas;
  • Pulmões;
  • Intestinos;
  • Tórax;
  • Abdômen.

Normalmente, os linfonodos não apresentam deformidades. Porém, se ocorrer um aumento deles, isto é, se forem notadas ínguas nos locais onde eles alojam-se, é necessário ficar atento e procurar um especialista.

Há inúmeras causas para o aumento dos linfonodos, como câncer, infecções, doenças reumatológicas, entre outras.

Quando constatado um caso de câncer, a linfadenectomia torna-se necessária, pois ela visa a retirada de um grupo de linfonodos.

Função da linfadenectomia

A linfadenectomia possui a função diagnóstica, curativa ou profilática:

Diagnóstica: tem o propósito de reconhecer o motivo do aumento dos gânglios linfáticos, isto é, se há células cancerígenas ou não, em uma certa região do corpo;

Curativa: tem por objetivo retirar os linfonodos que não conseguem mais realizar a função a que são destinados;

Profilática: serve de proteção para a vida humana. Isto é, os linfonodos devem ser retirados do corpo humano, a fim de proteger e preservar a vida do restante do organismo.

linfonodos

Procedimento

A realização da linfadenectomia pode ocorrer de três maneiras:

  1. Tipo D1: ocorre quando os linfonodos apresentam-se a cerca de 3cm de distância do órgão;
  2. Tipo D2: ocorre a remoção de todos os linfonodos que circulam no órgão, independente da distância;
  3. Tipo D3: ocorre quando há a remoção dos linfonodos de um órgão, sendo necessário remover os linfonodos dos órgãos próximos, também.

Solicitação da linfadenectomia

Linfadenectomia como é feitoEsse procedimento é solicitado por um oncologista, após a análise de exames que comprovem a existência de linfonodos anormais no organismo humano.

Há inúmeros exames que podem ser solicitados pelo profissional da área médica, de acordo com a parte do corpo que apresenta alteração dos linfonodos.

Os exames, em geral, podem ser cintilografia, tomografia, ressonância magnética, radiografia e exame de sangue.

Além disso, é sempre necessária uma biópsia dos linfonodos aumentados, para que ocorra a comprovação do câncer e assim seja indicado o tratamento correto, bem como a identificação de outros linfonodos em desajuste.

Um profissional comprometido é sempre primordial, pois a retirada dos linfonodos pode prejudicar seriamente o sistema linfático – sendo que o líquido linfático não será drenado na região que teve a retirada.

Cuide da sua vida e da sua saúde. Muitas vezes, a linfadenectomia é necessária para que a sua vida seja preservada, porém é preciso procurar um profissional que tenha certeza da necessidade desse procedimento tão invasivo.

Recomendados para você:


Ajude a melhor ainda mais o site, avalie:

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (No Ratings Yet)
Loading...

Leave a Reply