Hepatite – Tipos, Causas, Sintomas, Tratamento, Tem cura?

O termo Hepatite é usado para caracterizar uma inflamação no fígado. Ela pode ser aguda ou crônica e tem origem viral, medicamentosa, tóxica, alcoólica, parasitária e bacteriana.

A maioria das pessoas que possuem essa doença não sabem que são portadoras, pois a doença é silenciosa e pode aumentar as chances de desenvolvimento de uma condição mais grave no fígado, como a cirrose e, até mesmo, o câncer.

Por isso, a informação é extremamente importante para buscar o tratamento adequado, o mais rápido possível, e reverter o quadro.

hepatiteB

Tipos de Hepatite

Existem inúmeros tipos, entre elas a A, B, C, D e E. Veja mais detalhes de cada uma delas:

Hepatite A – Essa é a forma mais comum das Hepatites. De acordo com as pesquisas, cerca de 70% dos brasileiros já foram contaminados pelo vírus, sendo cerca de 60% ainda quando crianças.

Ela é transmitida por água ou alimentos contaminados. Isso pode acontecer quando uma pessoa sadia tem contato com as fezes de uma pessoa contaminada. Por isso, a orientação é que os alimentos sejam bem lavados e cozidos e a água seja tratada.

  • Há vacina nos postos de saúde para esse tipo.

Hepatite B – Essa forma da doença é contraída no contato sexual, contato com agulhas contaminadas, transfusão sanguínea, uso de drogas endovenosas, compartilhamento de alicates na manicure, aplicação de piercings e tatuagens, material cirúrgico, dentário, depilatório e de acupuntura infectados.

  • Há vacina nos postos de saúde para esse tipo, sendo a aplicação em 3 doses.

Hepatite C – Também pode ser transmitida pelas mesmas formas da Hepatite B. Contudo, o vírus C é mais contagioso em forma endovenosa do que nas relações sexuais. É o tipo mais raro e possui mais chances de evolução para a forma crônica.

Hepatite D – Mais raro, mas pode atingir os portadores da Hepatite B. Ela pode tornar-se crônica, em mais de 80% dos casos, e evoluir de uma forma rápida para complicações como a cirrose.

Hepatite E – Transmitida por via oral pelo consumo de alimentos, água ou objetos contaminados por fezes de uma pessoa contaminada. Geralmente, é benigna e não se torna crônica.

Vale ressaltar que existem as hepatites tóxicas e medicamentosas que são originadas devido a ingestão de certos medicamentos como o paracetamol. Por isso, é importante consumir remédios somente com orientação médica.

A hepatite bacteriana ou, até mesmo, parasitária podem ser desencadeadas após a tuberculose, leptospirose e em pacientes imunodeprimidos.

Existe também a hepatite alcoólica que pode levar à cirrose e ao óbito do portador.

Para ser considerada hepatite crônica, o vírus deve prevalecer no organismo da pessoa por mais de 6 meses.

Causas 

Como são diversos tipos de hepatite, também são inúmeras as causas, como:

  • Infecções por vírus, parasitas e bactérias;hepatite
  • Uso de medicamentos sem orientação médica;
  • Exagero no consumo de bebidas alcoólicas;
  • Uso de seringas, alicates de unha e instrumentos cirúrgicos contaminados;
  • Transfusão de sangue, relações sexuais sem proteção;
  • Hepatite auto imune, quando o organismo produz muitos anticorpos direcionados ao fígado;
  • Consumo de água e alimentos contaminados (no caso da Hepatite A e E);
  • Contato com sangue, urina e fezes de uma pessoa contaminada.

Sintomas 

Em alguns casos, as hepatites são totalmente assintomáticas, em outros podem apresentar:

  • Icterícia (amarelão na pele e nos olhos);sintomas-da-hepatite
  • Urina coloração bem escura;
  • Fezes esbranquiçadas;
  • Dores no fígado;
  • Febre;
  • Mal estar geral;
  • Náuseas e vômitos;
  • Inchaço no abdômen;
  • Fadiga.

Hepatite têm cura? Qual é o tratamento?

A Hepatite A pode ser mais tranqüila quando adquira na infância, em alguns casos não apresenta sintomas. Além disso, a cura ocorre espontaneamente, em 90% dos casos. É muito raro a Hepatite A virar uma Hepatite crônica.

Na maioria dos casos a Hepatite tem cura, mas para isso é preciso seguir as orientações do médico para que a doença não evolua para algo mais grave.

Geralmente, o indicado é fazer repouso, hidratar-se e ter uma alimentação saudável. Em alguns casos mais graves, a internação hospitalar pode ser necessária.

Remédios utilizados no tratamento

Além do repouso, alguns tratamentos para a hepatite envolvem medicamentos como:

  • Adefovir;
  • Interferon;
  • Entecavir;
  • Lamivudina;
  • Dipivoxila;
  • Analgésicos para dor.

Somente o médico poderá mensurar o tempo de tratamento, pois vai depender de cada paciente em específico.

Embora os remédios para hepatite provoquem efeitos colaterais, é extremamente importante não deixar de seguir o tratamento até o final para conseguir a cura.

Hepatite é contagiosa? Hereditária?

A Hepatite A, B, C, D e E são contagiosas e podem ser transmitidas para uma pessoa sadia por meio do contato com o sangue, a urina e as fezes da pessoa contaminada. Para prevenir-se:

  • Tome as vacinas Hepatite A e B, as demais não possuem essa alternativa;
  • Cozinhe bem os alimentos;
  • Lavem bem as frutas e verduras que vai consumir crus;hepatite-a-como-é-o-tratamento
  • Beba água filtrada;
  • Leve seus objetos pessoais para fazer as unhas na manicure;
  • Não compartilhe agulhas e seringas;
  • Não tenha relações sexuais sem camisinha;
  • Não beba álcool em excesso.

Existem algumas doenças de origem hereditária que podem causar a hepatite, são elas:  Deficiência de alfa 1 (antitripsina) e a doença de Wilson (acumulo de ferro e cobre no fígado).

Caso sentir algum sintoma da Hepatite, procure um médico. Quanto antes for diagnosticado, maiores as chances de cura.

Recomendados para você:


Ajude a melhor ainda mais o site, avalie:

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (1 votes, average: 5,00 out of 5)
Loading...

Leave a Reply