Diferença entre colesterol bom e ruim – Descubra os valores certos de HDL e LDL no sangue

O colesterol é uma espécie de gordura fundamental para nosso organismo, principalmente por ser um componente das membranas celulares. Como ele é transportado por proteínas, essa combinação é denominada de lipoproteínas – formando-se assim dois tipos de colesterol: o “bom” e o “ruim”.

É importante conhece-los! Fique sabendo agora mesmo:

  1. O que são?
  2. Quais são suas diferenças?
  3. Como controlar o colesterol?
  4. Níveis de colesterol.

Confira!

colesterol bom e ruim

Colesterol Bom ou Ruim – O que são?

Para se ter uma ideia, o colesterol está presente em órgãos, como o nosso coração, cérebro, intestinos, músculos, pele, fígado e vários outros. Ele tem várias funções, como produzir alguns hormônios, manter cada célula em funcionamento, absorver vitaminas lipossolúveis, etc.

› › › Clique Aqui e Conheça uma Forma 100% NATURAL para ter o Colesterol Zero!

Em torno de 70% do colesterol total é produzido pelo organismo, mais especificamente no fígado. E os outros 30%? Simples: eles são provenientes de nossa alimentação.

Em nosso corpo encontraremos dois tipos principais de lipoproteínas (colesterol): HDL e LDL.

  • HDL – Lipoproteína de alta-densidade: é o popular colesterol bom. É aquele que faz o transporte do colesterol dos órgãos, levando-o até o fígado, para que ele o descarte do organismo.

Ou seja, essa lipoproteína é boa para o seu coração, pois retira o colesterol das artérias.

  • LDL – Lipoproteína de baixa-densidade: é o colesterol ruim, um vilão terrível para a saúde, pois transporta o colesterol para suas células e tecidos.

Quando elevado, essa gordura poderá formar placas que estreitarão as artérias, impedindo o correto fluxo sanguíneo para o cérebro e coração.

Esse excesso de LDL poderá aumentar o risco de doenças cardiovasculares!

A elevação dos níveis do colesterol no sangue não apresenta sintomas – é uma complicação silenciosa. Somente pode-se descobrir o problema por meio do exame de sangue ou, em situações mais graves, na ocorrência de ataques cardíacos.

Diferença entre colesterol bom e ruim

As diferenças entre o colesterol bom e o colesterol ruim já podem ter ficado muito claras. O HDL – o colesterol bom – auxilia na proteção de nosso organismo, recolhendo o colesterol ruim (LDL), que está depositado nos vasos sanguíneos e o encaminhando até o fígado para ser eliminado. Já o LDL, por si só, é tão ruim ao corpo que pode provocar derrames, infartos e outros problemas cardíacos.

Portanto entende-se que a diferença principal entre ambos é que:

  • Um (o HDL) age eliminando o excesso de forma adequada,
  • Enquanto o outro (o LDL), se em níveis altos, fica armazenado nos vasos sanguíneos, complicando nossa saúde.

É claro que uma pessoa que tem uma dieta rica em gorduras pode até mesmo ter níveis baixos de LDL, pois o colesterol bom (HDL) – estando em níveis altos e apropriados – está fazendo um bom trabalho em eliminar o ruim.

Curiosamente, uma pessoa que se alimenta equilibradamente pode ter níveis altos de colesterol ruim, pois o próprio organismo não tem capacidade de eliminar as gorduras de forma eficaz.

O colesterol ruim está associado basicamente com os seguintes fatores principais:

  • Má alimentação,
  • Obesidade,
  • Histórico familiar,
  • Sedentarismo,
  • Hipertensão arterial,
  • Diabetes,
  • Tabagismo.

Veja como se cuidar e controlar o colesterol!

Dicas para controlar os níveis

O colesterol pode ser controlado a partir de mudanças em seus hábitos de vida!

Se você apresenta algum (ou alguns) fator(es) de risco(s), é importante dar muita atenção para uma dieta saudável, aliando-a com a prática regular de exercícios físicos e a manutenção de um peso ideal.

› › › Clique Aqui e Conheça uma Forma 100% NATURAL para ter o Colesterol Zero!

Sendo assim, lembre-se:

  1. Reduza o consumo de alimentos ricos em colesterol,
  2. Priorize alimentos com baixo teor de gordura saturada e que sejam ausentes de gordura trans,
  3. Consuma pouco açúcar,
  4. Evite frituras,
  5. Aumente a ingestão de frutas, legumes, verduras, grãos integrais e fibras,
  6. Largue o cigarro,
  7. Tente controlar e/ou evitar o estresse – afinal, viver estressado pode aumentar o risco de infarto e aumentar o colesterol,
  8. Faça atividades diárias que lhe proporcionem satisfação e prazer.

Você sabia que existem valores estabelecidos de colesterol que definem se eles são normais, altos, regulares e bons em seu exame de sangue?

Embora estes números possam variar em cada laboratório, você pode ter uma ideia de como eles estão separados.

Em adultos saudáveis recomenda-se:

  • Colesterol total de até 200 mg/dL.
  • Colesterol HDL acima de 40 mg/dL e mulheres acima de 50 mg/dL.

Se você tiver mais de dois fatores de risco (como, por exemplo, tabagismo, hipertensão, obesidade, histórico familiar, etc.):

  • Colesterol total de até 200 mg/dL.
  • Colesterol LDL menor que 130 mg/dL.
  • Colesterol HDL acima de 45 mg/dL.

Se você tem diabetes ou doenças coronárias:

  • Colesterol total de até 200 mg/dL.
  • Colesterol LDL menor que 100 mg/dL.
  • Colesterol HDL acima de 45 mg/dL e mulheres acima de 50 mg/dL.

Realize consultas com seu médico para checar como está sua saúde e sempre preste atenção em seus exames de sangue e nas orientações dadas pelo profissional. Não deixe que esse problema evolua e cause vários danos irreversíveis!

Recomendados para você:


Ajude a melhor ainda mais o site, avalie:

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (22 votes, average: 4,23 out of 5)
Loading...