Clamídia – Sintomas, Tratamento, Prevenção, Tem cura?

A clamídia é uma doença sexualmente transmissível causada por uma bactéria com o nome de Chlamudiatrachomatis. A grande maioria das pessoas afetadas por essa doença acabam não apresentando sintomas de contágio. Quando os sintomas se tornam aparentes, significa que o vírus foi contraído a aproximadamente duas semanas. A clamídia também é uma doença comum entre adolescentes e pessoas que iniciaram a vida sexual recentemente.

Por ser uma das doenças sexualmente transmissíveis mais comuns, é importante sempre estar atento aos sintomas para conseguir diagnosticar cedo e o tratamento iniciar de forma imediata. Ao verificar alguns dos sintomas que serão mencionados abaixo, é imprescindível fazer todos os exames o mais rápido possível.

Por prevenção, mulheres sexualmente ativas de até 25 anos devem fazer todos os testes uma vez por ano juntamente com os exames de rotina.

tratamento para clamidia

Transmissão

A transmissão da Clamídia acontece por meio de relações sexuais sem proteção por via oral, vaginal ou anal. Também pode ser contraído pelo bebê durante a hora do parto se a mãe possuir a doença. Isso aconteceria na hora do feto passar pelos canais vaginais.

Apesar da transmissão acontecer apenas através da relação sexual, alguns outros fatores também precisam ser levados em conta para a instalação da doença no organismo, como duchas higiênicas e vários parceiros sexuais.

Sintomas

Por ser uma doença “silenciosa”, aproximadamente 75% das mulheres e 50% dos homens infectados acabam não apresentando sintomas, o que dificulta o diagnóstico. O ideal é que a pessoa fique atenta aos sintomas, faça os exames periódicos e se assim necessário, o tratamento seja iniciado de imediato.

Os sintomas padrões do início da clamídia são:

  • Ardor ao urinar (Lembrando a cistite no caso das mulheres)
  • Secreção genital anormal ou em grande volume
  • Dor ou desconforto forte na relação sexual

Falando especificamente das mulheres, elas são afetadas inicialmente com a bactéria no cérvix ou diretamente na uretra. Selecionamos alguns sintomas que podem aparecer após os acima mencionados se não diagnosticados a tempo:

  • Dores nas costas
  • Dores no abdômen
  • Náuseas
  • Febre alta
  • Dor ou forte desconforto durante as relações sexuais

Já os sintomas colaterais nos homens podem aparecer de forma um pouco diferente, como:

  • Coceiras na abertura do pênis
  • Dor e inchaço nos testículos
  • Proctite (Inflamação no ânus)

diagnostico da clamidia

Tratamento

Diferentemente de muitas DST’s sem cura, a Clamídia diagnosticada a tempo tem cura mais simples e eficaz comparada com tantas outras. Com o uso de antibióticos prescritos é possível que a pessoa tenha um tratamento eficaz e livre-se de problemas futuros.

prevencao clamidiaOs antibióticos podem ser receitados via comprimidos (tomados por um período e doses contínuas) ou por meio de uma única dose injetável. Por conta do quadro da clamídia ser bastante similar ao da gonorreia, geralmente o médico poderá prescrever um medicamento capaz de curar as duas doenças sexualmente transmissíveis.

Após descobrir a doença e iniciar o tratamento, é altamente recomendável que os parceiros sexuais também façam todos os exames para não correrem futuros riscos (por mais que os sintomas não estejam aparentes). Após o tratamento finalizado, o ideal é que o casal fique sem praticar relações sexuais durante 07 dias para que o efeito do remédio possa ser concluído com sucesso.

A clamídia pode afetar a gravidez?

A mulher grávida que for diagnosticada com clamídia poderá ter um parto prematuro, além da criança ter um baixo peso ao nascer. Em alguns casos mais graves (e mais raros) a morte do bebê não é descartada na hora de seu nascimento. O recomendável nessas situações é que o parto seja feito através de cesárea para que não haja o contato do feto com o órgão genital da mãe.

Prevenção

Como toda doença sexualmente transmissível, para evitar esse tipo de situação é altamente aconselhável o uso de preservativos durante as relações. Além de evitar uma gravidez, esse método ainda é o mais aconselhável para evitar a clamídia, bem como qualquer outra DST.

Recomendados para você:


Ajude a melhor ainda mais o site, avalie:

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (2 votes, average: 2,50 out of 5)
Loading...

Leave a Reply