Cirurgia para unha encravada – procedimentos, tratamento e dicas

A cirurgia para unha encravada é um procedimento que visa desobstruir a passagem da unha, retirando a matriz e o canto que está encravado, para que a unha tenha um crescimento livre e normal novamente.

pés-unha-encravada

Chamada também de onicocriptose, a unha encravada pode ser um problema que está lhe acometendo agora mesmo e é fundamental que você conheça mais sobre:

  • Como é feita a cirurgia;
  • Se há dor;
  • Se há preparativos pré-cirúrgico;
  • Período de recuperação;
  • Riscos da cirurgia;
  • Custo médio.

E outras informações que irão sanar muitas dúvidas sobre o problema da unha encravada!

Como é feita a cirurgia para unha encravada?

De pequeno porte, a cirurgia para unha encravada é uma alternativa secundária, pois a primeira opção é um tratamento clínico por meio da higienização frequente da unha, elevando a ponta que está penetrando na pele ao redor e recebendo orientações do médico dermatologista quanto ao corte da unha.

Nesse caso, a cirurgia para unha encravada acontece posteriormente a essa tentativa.cirurgia-para-unha-encravada

O procedimento é mais simples do que se imagina. Contudo, o tipo de intervenção cirúrgica na unha encravada é definido pelo médico dermatologista, pois é necessário que fatores individuais e técnicos sejam analisados.

De qualquer forma, a cirurgia para unha encravada é simples, sendo aplicada uma anestesia local, para evitar qualquer dor no momento do procedimento, e pode demorar até menos de 1 hora.

Matricectomia e cantoplastia são os nomes usados para denominar as cirurgias de unha encravada, consistindo na retirada parcial ou total da unha doente. Entenda mais sobre elas agora:

  • Matricectomia: Consiste em diminuir a largura da unha pela raiz (matriz) para adequar a unha, ou seja, é a ação de eletrocoagulação (cauterização) da matriz da unha para evitar que ela cresça naquela lateral.
  • Cantoplastia: Consiste na remoção do canto da unha de modo vertical até a matriz, sob a pele, de modo que ela não cresça mais para os lados.

Quando há ainda solução antes de uma intervenção cirúrgica, o paciente passa por um procedimento chamado cantotomia, fazendo-se uso de uma substância química (o fenol) para ressecar a borda ungueal acometida.

Por passar por uma anestesia local, o paciente não sente qualquer dor na hora da cirurgia para unha encravada. O tratamento para unha encravada, normalmente, é feito em consultório, por isso não exige qualquer preparação pré-cirúrgica, configurando-se um processo ambulatorial rápido e seguro.

O preço de uma cirurgia para unha encravada depende da tabela de preços do profissional, da localidade e do próprio tipo de cirurgia a ser feita. Por sorte, esse tipo de procedimento é realizado pelo Sistema Único de Saúde (SUS).

Cirurgia para unha encravada: o pós-cirúrgico

O pós-operatório do procedimento da unha encravada é relativamente tranquilo e variável, dependendo do tipo de cirurgia executada e do próprio paciente.

Em termos gerais, a cirurgia para unha encravada permite que a pessoa consiga manter uma rotina praticamente normal, após a intervenção, com o uso de um curativo para melhorar a cicatrização e evitar qualquer contato com as bactérias.

Obviamente, é importante que não se realize movimentos bruscos nos casos em que foram feitos pontos.

A pele pode ficar levemente arroxeada no ponto em que ocorreu a cirurgia, mas tem o costume de desaparecer entre 7 a 14 dias.

Caso tenha dor, é essencial que o paciente utilize os analgésicos que o médico prescreveu. Veja outras dicas e cuidados para a pós-cirúrgica do procedimento da unha encravada:

  1. Repouse com a perna voltada para cima;
  2. Lave sempre as mãos antes de fazer contato com o local da cirurgia;unha-encravada
  3. O médico pode prescrever o mergulho dos pés em água morna – faça isso somente 2-3 vezes por dia, por uma semana;
  4. Pergunte ao médico quando é seguro expor o local da cirurgia (deixá-lo sem qualquer curativo);
  5. Caso você tenha tido infecção na unha encravada, passe creme ou pomada que contenha antibiótico (o médico irá receitar) e siga as orientações corretas;
  6. Não aplique o antibiótico tópico com a mão – use um cotonete limpo.

É provável que a cura completa da cirurgia para unha encravada aconteça entre 2-3 semanas. Basta seguir as recomendações médicas e deixar que uma pele cresça sobre a área sensível para poder voltar às atividades normais.

Dicas para evitar unha encravada

A unha pode voltar a encravar por conta da origem do problema. Ssaiba quais são os cuidados que você precisa ter para evitar esse incômodo todos os meses!

  • Evite usar calçados muito apertados ou salto alto;
  • Corte as unhas em linha reta, ou seja, em corte quadrado;
  • Não retire as cutículas, apenas empurre-as – elas protegem as unhas contra microrganismos;
  • Lixe as unhas após o corte, pois isso promove a remoção das espículas de unha, as famosas pontinhas, que podem acabar encravando depois;
  • Mantenha uma higiene adequada nos pés, especialmente para não deixar que alguma infecção acometa as unhas;
  • Tenha uma boa postura.

Se você faz tudo isso e mesmo assim sofre com o problema, é porque talvez lide com a “unha encravada congênita”, que nada mais é do que uma complicação proveniente do próprio formato da unha.

Para ajudar a melhorar, é importante procurar um médico dermatologista. Caso seja necessário, agora você já sabe que a cirurgia para unha encravada é simples e não traz quaisquer complicações!

Recomendados para você:


Ajude a melhor ainda mais o site, avalie:

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (1 votes, average: 5,00 out of 5)
Loading...

Leave a Reply