Azitromicina di hidratada – Para que serve? Preço e Posologia (500mg e 250 mg)

Azitromicina é um antibiótico que serve para o tratamento de infecções do trato respiratório como pulmões, nariz, faringe, traqueia ou no alívio dos sintomas da sinusite, bronquite, amigdalite ou atite. Em alguns casos, o remédio pode ser recomendado para o tratamento de doenças sexualmente transmissíveis e infecções urinárias. A posologia recomendada é de 500 mg ou dose única de 1000 mg.

Como a azitromicina é um antibiótico, seu uso pode implicar em efeitos colaterais e só pode ser comprado na rede convencional de farmácias mediante apresentação de prescrição médica. Confira aqui como usar, as indicações e demais informações da bula oficial liberada pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa).

Para que serve – Indicações

A azitromicina é indicada para:

  • Infecções respiratórias e de ouvidos como, por exemplo, em situações de sinusite, bronquite, faringite, amigdalite, pneumonia, rinite ou otite média (infecção do ouvido médio);
  • Infecções na pele;
  • Infecções nos tecidos moles como, por exemplo, em músculos, gordura ou tendões;
  • Infecções genitais, como uretrites;
  • Tratamento de febre reumática;
  • Tratamento de infecções genitais como o cranco mole (Haemophilus ducreyi) e doenças sexualmente transmissíveis como Chlamydia trachomatis, clamídia e gonorreia.

A azitromicina di-hidratada é uma substância ativa que serve para tratar bactérias sensíveis a este antibiótico. Por ser considerado um medicamento de baixo risco, também pode ser recomendado para o tratamento da acne.

Algumas situações como infecções causadas por Treponema Pallidum não devem ser tratadas com esta medicação ou com qualquer outro remédio derivado de antibióticos da classe macrolídero, cetolídeo ou eritromicina. Portanto, deve-se usar azitromicina somente mediante indicação por um profissional de saúde.

Azitromicina 1

Posologia – Como usar?

A azitromicina pode ser encontrada tanto em forma de comprimidos como suspensão oral (líquida), ainda, é possível tê-la em forma injetável.

Uso adulto (500 mg)

A azitromicina 500 mg é a mais recomendada. Ela deve ser tomada durante três dias em uma dose única (comprimido ou xarope) ou duas doses de 250 mg separadas em 12 horas entre cada pílula. Pode-se também tomar uma dose única diária de 1000 mg. O tratamento não deve ultrapassar três dias de uso contínuo.

A posologia para adultos varia de acordo com o tipo de infecção conforme as indicações abaixo:

  • Infecção por cranco mole, doenças sexualmente tranmissíveis, infecção urinária ou infecção causada pelas bactérias Chlamydia trachomatis, Haemophilus ducreye ou Neisseria gonorrhoeae (gonorreia) – 100 mg diárias em dose única por três a cinco dias ;
  • Infecções do trato respiratório – azitromicina 500 mg em doses únicas ou dividas em dois comprimidos de 250 mg para cada dia de tratamento.

A dose máxima recomendada para todos os tipos de tratamento é o de 1.500 mg.

Pacientes idosos devem manter a recomendação para o uso adulto indicado na bula,  a única diferença é que estão mais suscetíveis à reação adversa de hipertensão arterial ou arritmia cardíaca. Respeite a dose recomendada pelo médico.

Azitromicina para crianças (uso pediátrico)

A posologia do uso pediátrico varia conforme o peso da criança, somente aquelas que pesam mais de 45 kg estão autorizadas ao uso da azitromicina. O mais correto é a aplicação da versão líquida de via oral, o que facilita a administração.

Infecções do trato respiratório e urinário devem ser tratadas com dosagens de 10 mg para cada 1 kg de peso. O remédio deve ser tomado em dosagens únicas por no máximo três dias. O uso não deve ultrapassar os 30 mg/kg somando o total de dias do tratamento.

Casos de faringite estreptocócica, febre reumática e infecções em níveis avançado pode ser recomendado pelo médico a administração de 20mg/kg diariamente por um período de três dias.

Pacientes com insuficiência renal

Um médico deverá avaliar a possibilidade do tratamento de infecções com azitromicina por pessoas que tem histórico de insuficiência renal ou pedras nos rins. Dependendo do caso, haverá necessidade de ajuste da dose. O mesmo vale para indivíduos com insuficiência hepática.

Efeitos Colaterais

Azitromicina 2

A azitromicina é um antibiótico de nível leve, de forma que seus efeitos colaterais não são tão graves quanto versões mais fortes como a amoxicilina com ácido clavulânico. As reações adversas da azitromicina costumam aparecer mais no primeiro dia de uso, entre eles estão.

  • Náusea,
  • Vômito,
  • Diarreia.
  • Cólicas,
  • Fezes amolecidas,
  • Desconforto abdominal,
  • Alteração no funcionamento do fígado,
  • Aumento da pressão arterial e arritmia cardíaca,
  • Perda de audição,
  • Icterícia,
  • Tontura,
  • Sonolência,
  • Perda de apetite,
  • Prisão de ventre,
  • Alteração da pressão arterial,
  • Aumento do risco de desenvolvimento de doenças hepáticas,
  • Coceira e irritação na pele.

É necessário que pessoas com problemas hepáticos devam ter cautela ao usar a azitromicina, pois pode acorrer alterações da função hepática, necrose hepática, insuficiência hepática, hepatite e outras complicações.

Leia mais: confira a lista de antibióticos e seus males e como funcionam

Azitromicina corta o efeito do anticoncepcional?

A azitromicina NÃO corta o efeito do anticoncepcional. Como tem uma ação baixa no organismo e deve ser tomado por um período máximo de três a quatro dias a dosagem não é suficiente para alterar a eficácia de pílulas de contracepção femininas.

No entanto, é  preciso ficar atenta à presença de diarreia. O uso de azitromicina pode causar alterações da flora intestinal, provocando fezes líquidas. Se a administração da pílula anticoncepcional for tomada até 4 horas antes da ocorrência da diarreia correrá o risco de não ser completamente absorvida, o que causa a diminuição de sua eficácia.

Dessa forma, recomenda-se utilizar métodos contraceptivos alternativos (como camisinha) para evitar uma gravidez indesejada até que se inicie o próximo ciclo menstrual.

Preço

A média de preço da azitromicina está entre R$ 10,00 a R$ 40,00.  O remédio pode ser encontrado com preços variáveis, de acordo com o laboratórios responsável pela produção e o estado em que será adquirido pelo paciente.

Os laboratórios que comercializam a azitromicina di hidratada estão listados abaixo com seus devidos nomes comerciais:

  • EMS (Azitromicina);
  • Eurofarma (Astro);
  • Sigma Pharma (Azi);
  • Grupo Cimed (Azimed);
  • Medquímica (Azitromed);
  • Antivus (Azimix);
  • Multilab (Azitrolab);
  • Mabra (Azitron);
  • Merck (Clindal);
  • Pfizer (Zithromax);
  • Neo Química (Zitroneo);
  • Sandoz ( Zimicina);
  • Belfar (Tromizir).

Contraindicações

A azitromicina é um medicamento contraindicado para pessoas que possuem histórico de reações alérgicas, assim como hipersensibilidade à azitromicina, eritromicina ou mesmo a outro antibiótico do tipo macrolídeo.

Se há alergia a algum dos componentes existentes na fórmula, deve-se evitar o uso da medicação. Ele pode causar reações alérgicas quando tomada uma dose fora do normal, prejudicando a saúde com Azitromicina em uma larga escala.

Além disso, a azitromicina não é aconselhável para mulheres grávidas ou lactantes – somente se houver um controle muito rígido do médico. Nesse caso ela é feita em dose diferenciada, é preciso cuidado nesse antibiótico de classe como a Azitromicina.

Pessoas com histórico de insuficiência renal ou de doenças hepáticas também devem tomar mais cuidado no uso da medicação.

Caso tenha qualquer dúvida referente ao uso deste remédio consulte a bula oficial em pdf ou entre em contato com o laboratório responsável pela fabricação da azitromicina di-hidratada.

Recomendados para você:


Ajude a melhor ainda mais o site, avalie:

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (313 votes, average: 4,45 out of 5)
Loading...

14 Comments

  1. Cristiane
    • webgocontent
  2. Edicarlos
    • webgocontent
  3. Maria
    • webgocontent
  4. jhennifer alves
  5. José Siquice
    • webgocontent
  6. Deisi Bertinetti
    • webgocontent
  7. Ary luiz
    • webgocontent
  8. Sevene oliveira

Leave a Reply