Pediatria – O que faz, Salário médio e quando procurar um pediatra

A Pediatria é um dos ramos da Medicina que dedica seu tempo e conhecimento ao cuidado da saúde de crianças, pré-adolescentes e adolescentes – geralmente até a idade dos 18 anos. O pediatra é o médico que atua nessa área, que também abrange questões fundamentais para o desenvolvimento dos pequenos.

A carreira de Pediatria é muito almejada por quem apresenta as características certas para trabalhar com crianças e garantir seu bem-estar. No Brasil, é uma das especialidades mais procuradas dentro da Medicina.

Saiba mais sobre a Pediatria e veja se ela é a área que você almeja!

pediatria do que cuida

Pediatria: o que faz?

A Pediatria não trata somente da saúde infantil, mas também tem a tarefa de prestar auxílio para a família da criança, sejarelacionado aos aspectos curativos ou preventivos e de pesquisa.

Em consultórios ou no ambiente hospitalar, o pediatra se especializou em dar assistência a crianças e adolescentes, por meio de consultas de rotina e do acompanhamento de crescimento.

Sua tarefa ainda é realizar exames com periodicidade para sempre estar atento à saúde do paciente, bem como prevenir e tratar possíveis enfermidades.

O campo de trabalho da Pediatria é amplo, pois o profissional também precisa ter a capacidade de:

  1. Oferecer orientações e conselhos quanto à alimentação da criança;
  2. Incentivar e explicar a importância do aleitamento materno;
  3. Abordar a vacinação e a necessidade de atualização frequente da carteirinha;
  4. Acompanhar o crescimento e desenvolvimento neuropsicomotor (processo de mudanças no comportamento motor da criança);
  5. Dar recomendações para prevenir acidentes;
  6. Orientar a importância da consulta regular;
  7. Informar os pais sobre a formação física, biológica e mental da criança durante a infância.

Pode-se descrever que os alvos de estudo da Pediatria visam reduzir a taxa de mortalidade infantil, assim como controlar a propagação de doenças e promover um estilo de vida saudável para que as crianças tenham uma vida longa e sã.

Os pediatras podem diagnosticar e tratar diversas condições em uma consulta médica, por meio dos exames que requerem:

  • Ferimentos;
  • Infecções;
  • Problemas genéticos e congênitos;
  • Tumores;
  • Doenças e deficiências orgânicas de um órgão.

A Pediatria envolve a detecção e gestão de problemas psicológicos, como atrasos e desordens, dificuldade comportamental, transtornos mentais – depressão e perturbações da ansiedade, por exemplo – e inabilidades funcionais.

De modo geral, a Pediatria entra na dinâmica familiar.

Procedimentos mais comuns na Pediatria

pediatria como é feitaCada criança é única, assim como as suas famílias. Por isso, as recomendações de exames e procedimentos são diferenciadas e individualizadas.

No entanto, os pediatras podem seguir as instruções da Academia Americana de Pediatria (AAP)com relação à regularidade e frequência das consultas de rotina, evitando o surgimento de problemas de saúde.

Por idade, até os 18 anos (dependendo do pediatra, até os 21 anos), muitos exames e procedimentos são realizados anualmente. Veja quais são os mais comuns:

  • Medição de estatura e peso;
  • Avaliação comportamental/psicossocial;
  • Exame físico;
  • Rastreamento sensorial: visão e audição;
  • Vigilância do desenvolvimento;
  • Imunização;
  • Orientações e prevenções.

Vários exames e procedimentos, por outro lado, são realizados quando precisa-se avaliar algum risco. São exemplos do que pode ser abordado:

  • Pressão arterial – torna-se uma ação comum a partir dos 3 anos;
  • Anemia;
  • Saúde bucal;

Conforme a criança entra nas fases de pré-adolescência e adolescência, começa-se a avaliar os riscos de doenças sexualmente transmissíveis, por exemplo.

Dessa forma, os pediatras prezam muito por exames de sangue e de fezes e consideram que a própria consulta – fazendo todo o check-up que estão acostumados –pode substituir os testes laboratoriais.

A procura por um pediatra inicia a partir do nascimento do bebê (a primeira consulta deve acontecer até 5 dias após o nascimento). A segunda consulta vem até 15 dias depois do nascimento, para checar o ganho de peso, como está a amamentação, o crescimento e desenvolvimento do bebê e, também, o calendário de vacinação.

Novas consultas são agendadas conforme estabelecimento do médico, porém você pode ter uma ideia de como funciona:

  • Uma consulta quando o bebê completar 1 mês de idade;
  • Uma consulta mensal dos 2 aos 6 meses de idade;
  • Uma consulta aos 8 meses de idade, outra aos 10 meses e mais uma quando o bebê completar 1 ano;
  • Uma consulta trimestral entre as idades de 1 aos 2 anos;
  • Uma consulta semestral entre as idades de 2 aos 6 anos;
  • Uma consulta anual entre as idades de 6 aos 18 anos.

Nada impede que outras consultas sejam agendadas dentro desses períodos, afinal uma criança pode estar sujeita a enfermidades. Os pais devem sempre ficar atentos a qualquer mudança repentina de comportamento ou sinais de alerta de alguma doença.

Pediatra: qual é o salário? Como ser um Pediatra?

De acordo com a Federação Nacional dos Médicos (FENAM), o piso salarial dos médicos que atuam 20 horas semanais de trabalho, para o ano de 2018, é de R$14.134,58.

O valor tem reajuste anual com base no Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC), fornecido pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

Obviamente que a remuneração de um médico pediatra pode ser muito variável, pois depende da especialização dentro da própria Pediatria, bem como da atuação do profissional (se ele atua como autônomo, como assalariado ou funcionário público) e da região do Brasil em que está trabalhando. A média salarial para os pediatras, hoje em dia, fica em R$5.500,00, mas os valores poderão oscilar desde R$1.600,00 a R$12.000,00.

pediatria quanto ganha

Quer ser um Pediatra em um futuro próximo?

Então, veja só como é:

  1. É necessário que você tenha uma graduação em Medicina, em primeiro lugar.O curso tem a duração de seis anos;
  2. A partir disso, você deve fazer a residência médica em Pediatria.

São dois anos de residência, nos quais você terá a orientação de profissionais da área. É um período de passar da teoria para a prática.

Não esqueça, também, de registrar-se no Conselho Regional de Medicina (CRM) de seu estado.

A rotina de um pediatra envolve desafios diários e muitas habilidades, mas é extremamente recompensador saber que você acompanhará e/ou restabelecerá a saúde de uma criança.

Recomendados para você:


Ajude a melhor ainda mais o site, avalie:

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (No Ratings Yet)
Loading...

Leave a Reply