O que é Hemorroida? – Causas e tratamento

Hemorroida é nome popular da doença hemorroidária, que consiste em veias inflamadas e dilatadas na região do reto e do ânus, causando coceira, dor e sangramento. A hemorroida pode ser caracterizada por externa, quando é identificado ao redor do ânus e interna quando se localiza dentro do reto, sem poder ser visualizada. Os principais sintomas são dor ao evacuar e sangramento no ânus.

Cerca de 5% da população sofre com hemorroida, que são como varizes das veias dessa região. Quando há pressão nas veias e sangue não consegue fluir adequadamente, pode ocorrer inchaço, inflamação e os indesejados sangramentos.

hemorroida_interna_externa

O que é hemorroida

Hemorroidas são veias internas inchadas e inflamadas localizadas na parte inferior ou interior do ânus ou reto. Quando acontecem na abertura anal podem se projetar para fora do ânus como espécie de bolhas. São vários os tipos de hemorroidas, cada qual tem uma causa em específico e geram incômodos diferente.

  • Grau 1 – Hemorroida escondida no interior do ânus, com pequeno aumento das veias
  • Grau 2 – Hemorroida que está no interior do ânus e sai no momento da evacuação, retornando sem auxílio
  • Grau 3 – Hemorroida que está no interior do ânus e sai no momento da evacuação, precisando ser colocada de volta ao interior com o auxílio das mãos
  • Grau 4 – Hemorroida que está no interior do ânus, que sofre um aumento tão grande que sai pela região anal, podendo causar até a saída da parte final do intestino

 

hemorroida_tipo_1_2_3_4

Hemorroida interna – Sintomas, remédio, tratamento

A hemorroida interna acontece nos casos em que potos de infecções se alocam dentro do reto provocando dores ao evacuar e sangue nas fezes, esse é o principal sintoma da doença. Para resolver o problema, os principais remédios são alimentação rica em fibras, anestésicos e anti-inflamatórios.

› › › Clique Aqui e Conheça uma Forma 100% NATURAL para Eliminar a Hemorroida

Causas da hemorroida

A hemorroida pode surgir por conta de diversos fatores de risco como:

  • Dieta inadequada sem fibras
  • Constipação (prisão de ventre crônica) e esforço no momento da evacuação
  • Diarreia crônica
  • Sexo anal
  • Histórico de hemorroida na família
  • Permanecer longos períodos no vaso sanitário sem evacuar
  • Cirrose
  • Tabagismo
  • Hábito de segurar as fezes quando se tem vontade de evacuar
  • Obesidade
  • Gravidez
  • Desidratação
  • Permanecer sentado por longos períodos
  • Resfriados
  • Infecções anais

É importante lembrar que crianças também podem ter hemorroidas e os responsáveis devem estar atentos aos sintomas. As gestantes também devem prestar atenção, pois a hemorroidas na gravidez podem causar muito desconforto e se tratada de forma correta não oferece risco.

Sintomas e diagnóstico

Ao contrário do que se pensa, as hemorroidas podem apresentar sintomas ou não. Por exemplo, as hemorroidas internas são identificadas somente quando há a presença de sangue nas fezes.  Já as hemorroidas externas apresentam sintomas claros e são mais fáceis de serem identificadas.

› › › Clique Aqui e Conheça uma Forma 100% NATURAL para Eliminar a Hemorroida

Os diagnósticos normalmente incluem dor no momento da evacuação, além da presença de sangue nas fezes. É importante consultar um médico, já que os sintomas das hemorroidas são similares aos de outras moléstias que afetam a mesma região.

hemorroida_sintoma

É importante esclarecer que apesar de o sangramento anal e incômodo no momento da evacuação também serem sintomas de tumores na região do reto e do ânus, a hemorroida não pode virar câncer, como algumas pessoas tendem a imaginar.

O diagnóstico é feito por meio de exame físico no caso de hemorroidas externas. Nas hemorroidas internas, o exame de toque é necessário e em caso de dúvida a anuscopia pode ser solicitada pelo médico especialista.

Tratamento

hemorroida_banho_de_assentoApós o diagnóstico, o tratamento para hemorroida é simples e exige o mínimo de disciplina. Um tratamento caseiro que pode ser feito por todos os paciente é o banho de assento com água na região anal que proporciona alívio a quem sente forte dor na região.

As grávidas e crianças que tiverem dificuldade em fazer o banho podem colocar panos umedecidos na região e trocar de tempos em tempos para ter essa mesma sensação de alívio. Outra recomendação simples é evitar limpar o ânus com papel higiênico para não irritar ainda mais a região. O mais recomendado por especialistas seria lavar com a ducha, caso não seja possível, lenços umedecidos para bebê podem ser usados em caso de emergência.

Em alguns casos de indivíduos com fezes endurecidas, os médicos recomendam o uso controlado de laxantes para facilitar a evacuação. Assim como os laxantes, os cremes e pomadas para hemorroida como Xyloproct, Proctyl e Proctosan podem ser usados com orientação médica, pois lubrificam e anestesiam a região anal.

As pomadas como Ultraproct a base de corticoides devem ser usadas com mais atenção, sem exceder uma semana.  Todo o tratamento deve ser acompanhado por um médico que irá receitar o melhor medicamento para cada caso e irá monitorar quanto tempo de tratamento será necessário.

hemorroida_alimentacao_saudavelBeber muita água, ter uma alimentação rica em fibras é uma boa dica para ter um bolo fecal saudável e facilitar a evacuação prevenindo o agravamento das hemorroidas. Normalmente, ao realizar o tratamento corretamente e seguir as dicas de prevenção é possível curar a hemorroida em um curto período de tempo.

Nos casos mais graves em que o paciente não apresenta melhora e sofre com dores agudas, a cirurgia pode ser recomendada. Para fazer a cirurgia de remoção da hemorroida, o paciente passará por uma preparação delicada e terá que ficar internado até dois dias, levando de uma semana até um mês para ficar curado.

O pós-operatório é parecido com o tratamento mais comum para hemorroidas. O paciente não deverá utilizar papel higiênico, deverá fazer o uso de analgésicos, laxantes, pomadas e banhos de assento recomendados pelo médico.

A  doença  pode causar grande constrangimento, fazendo com que o indivíduo afetado demore muito a procurar ajuda médica. Quanto mais rápido o paciente procurar um profissional, maiores as chances de ser curado sem precisar de cirurgia.

› › › Clique Aqui e Conheça uma Forma 100% NATURAL para Eliminar a Hemorroida

As crianças e idosos precisam de muito mais atenção, pois às vezes podem esconder ou não perceber o sangramento causado pela doença. Os idosos sofrem com problemas no intestino constantemente por terem de tomar muitos remédios. Isso afeta a evacuação, e eles ficam propícios a desenvolverem hemorroidas.

Com cuidados simples, porém diários, o paciente com hemorroida pode aliviar os sintomas e se curar rapidamente. É importante lembrar que alguns dos cuidados como tomar muito líquido e ter uma alimentação rica em fibras devem ser seguidos para o resto da vida. A higiene da região anal deve ser feita com muito cuidado, não se esquecendo de evitar o uso de papel higiênico.

A prevenção é a melhor forma de lidar com a maioria das doenças, então mesmo depois de curado, fique atento aos sintomas, mantendo o cuidado com a dieta alimentar.



O Conteúdo Foi Útil? Deixe seu Voto!

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (101 votes, average: 4,37 out of 5)
Loading...