Diclofenaco Sódico – Para que serve, indicações, como tomar, valores.

O medicamento diclofenaco sódico é indicado para casos de doenças como: artrite, dores nas costas, dor no ombro, reumatismo, crises de úlcera, torções, distensões, pequenas lesões, pós-cirurgia, inflamações nas vias aéreas, inflamações ginecológicas e também no período menstrual.

Basicamente ele é indicado para o tratamento de infecções com dores, porém com o acompanhamento de outro medicamento indicado pelo médico, que vai combater a doença/causa específica.

Ele é pertencente a família dos anti-inflamatórios chamada de não esteroides, aliviando os sintomas de inflamação:

  • Dor;
  • Inchaço;
  • Febre.

Também é muito indicado para pessoas que tenham passado por uma cirurgia recente, seus resultados são eficientes combatendo a dor em local específico e também uma possível inflamação.

É preciso que antes da automedicação você converse com seu médico de confiança e veja se o diclofenaco sódico é o anti-inflamatório mais indicado para o seu caso.

diclofenaco-sodicoEle é comumente encontrado em farmácias e não é preciso ter uma receita médica para comprá-lo, porém, consulte seu médico sobre seu uso. Ele é vendido nas seguintes formas:

  • Comprimidos;
  • Gotas;
  • Supositório;
  • Injetável;
  • Gel.

Os medicamentos que tem em sua fórmula o diclofenaco sódico são o Fisioren e o Voltaren, veja mais informações sobre eles na tabela abaixo:

MedicamentoDosagemQuantidadeValor
Voltaren1 - 50 mg;
2 - 100 mg;
3 - 75 mg injetável.
1 - 20 comprimidos;
2 - 10 comprimidos;
3 - 1 frasco.
1 - R$ 26;
2 - R$ 30;
3 - R$ 3.
Cataflam1 - 50 mg;
2 - 20 ml;
3 - 150 gramas.
1 - 20 comprimidos;
2 - 1 frasco;
3 - 1 pomada.
1 - R$ 30;
2 - R$ 19;
3 - R$ 33.

Contraindicações

Como todo medicamento, é preciso que você fique atento sobre às contraindicações que o uso pode ocasionar no seu organismo, preste atenção:

  • Caso seja alérgico a algum dos ingredientes que estão na fórmula do diclofenaco, converse com seu médico antes de iniciar o uso;
  • Se você já teve algum tipo de reação alérgica com medicamentos para tratamento de dor ou inflamações;
  • Caso você tenha problemas no estômago ou no intestino, consulte o médico;
  • Sofre de problemas graves nos rins ou no fígado;
  • Caso tenha algum problema cardíaco;
  • Grávida ou em período de amamentação;
  • Criança menor de 12 anos e idosos.

Mulheres em período de amamentação ou gravidez devem consultar o ginecologista responsável para verificar se esse é o medicamento mais indicado para o tratamento, assim como quais são as doses indicadas.

Em alguns casos específicos é preciso ter muita atenção às reações do corpo, de acordo com o uso contínuo desse medicamento, por exemplo:

  • Pessoas que enfrentam problemas de pressão arterial;
  • Diabetes;
  • Fumantes;
  • Asmáticos;
  • Problemas gastrintestinais;
  • Inchaços.

diclofenaco-sodico-1

Caso você não tenha nenhum sintoma citado acima ou doença, é preciso que mesmo assim você consulte o seu médico para verificar qual a melhor indicação, também é importante que você mantenha seus exames em dia para que sempre saiba se está tudo correto com o seu organismo.

É importante informar o seu médico caso você faça o uso de algum medicamento para outro tratamento em conjunto, ele vai saber o que é melhor indicado em cada situação específica.

Como tomar o Diclofenaco Sódico Corretamente – Posologia

É recomendado que você tome esse remédio antes das refeições ou quando estiver com o estômago vazio, respeitando também o horário e o ciclo que o seu médico passou.

É indicado que você tome de 2 até 3 vezes por dia, não excedendo o limite do composto, que é de no máximo 150 mg diárias, porém siga aquilo que o seu médico receitou, respeitando a dosagem, quantidade e os horários.

O que fazer se esqueci de tomar?

Se você esqueceu de tomar o seu medicamento, procure tomá-lo o quando antes possível. Caso já esteja no horário de tomar o outro comprimido, não dobre a dosagem, tome somente um comprimido.

Efeitos Colaterais

Mesmo que você não tenha nenhuma doença crônica ou algum dos pontos citados em Contraindicações, é aconselhável que você fique atento aos sinais dos efeitos colaterais, que podem ser muitos e em diferentes intensidades:

  • Dor no peito;
  • Dificuldade de respirar e falta de ar;
  • Inchaços;
  • Sangramentos;
  • Alteração de humor e ansiedade;
  • Problemas de memória;
  • Convulsões;
  • Pescoço endurecido;
  • Dificuldade em ouvir;
  • Manchas no corpo;
  • Vômito com sangue;
  • Fezes pretas;
  • Diarreia e dor abdominal;
  • Dor de estômago em demasia;
  • Tontura;
  • Flatulência;
  • Náuseas;
  • Perda de apetite;
  • Amarelamento.

As reações mais comuns continuam sendo a dor de cabeça, náuseas, tonturas e flatulências, porém é preciso ficar atento à insuficiência renal e tomar o medicamento de acordo com as doses indicadas para que não aconteça nenhum distúrbio.

Superdosagem

Em caso de superdosagem, o mais indicado é que o paciente vá ao médico ou ao pronto socorro o mais rápido possível, eles te guiarão com os procedimentos corretos para que nada aconteça. Por isso é imprescindível que o medicamento seja tomado na dosagem correta de acordo com o tratamento.

Recomendados para você:


Ajude a melhor ainda mais o site, avalie:

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (341 votes, average: 4,78 out of 5)
Loading...