Cirurgia Refrativa – O que é, Riscos, Recuperação e Valores

Você já sonhou em abolir os óculos ou as lentes de contato? Pois, afirmo a você que existe uma solução, que recebe o nome de cirurgia refrativa. A cirurgia refrativa é um procedimento ocular, que tem como objetivo melhorar a refração dos olhose diminuir ou, até mesmo, eliminar o uso dos óculos ou das lentes de contato.

Ao entrar no olho, a luz sofre o fenômeno refrativo. Esse compreende a mudança que a luz sofre no interior do olho, possibilitando a imagem nítida daquilo que se está vendo. Quando ocorre a focalização inadequada da imagem, configura-se os vícios de refração. Tais disfunções podem causar inúmeros transtornos.

A cirurgia refrativa, possui o propósito de oferecer a possibilidade de correção desses problemas oculares.

cirurgia refrativa como é feita

Indicação para a cirurgia refrativa

O primeiro teórico a procurar desvendar a cirurgia refrativa foi o oftalmologista holandês Lender Jans Lans, no ano de 1896. Conforme seus estudos, era possível a correção dos casos em que apresentavam astigmatismo.

O oftalmologista chegou à conclusão de que por meio de cortes na córnea, isto é, o tecido transparente que realiza a proteção do olho, era possível corrigir os problemas de refração.

Como o passar do tempo, as técnicas utilizadas na cirurgia refrativa foram sendo aperfeiçoadas, possibilitando correções, em variados casos oculares.

Atualmente, tal procedimento pode ser utilizado nas seguintes circunstâncias:

  1. Miopia: Corresponde à dificuldade para enxergar algo que está longe;
  2. Hipermetropia: Compreende a complexidade de enxergar algo perto;
  3. Astigmatismo: é uma deformidade da curvatura da córnea, que impossibilita a visão nítida, tanto de longe como de perto;
  4. Presbiopia: é a dificuldade de visão, devido à idade.

Claro que para que a cirurgia refrativa possa ser realizada com segurança, o oftalmologista irá avaliar o paciente, por meio de exames pré-cirúrgicos.

Também será estudado pelo profissional a melhor técnica cirúrgica a ser utilizada para cada cirurgia caso.

Técnicas de cirurgia refrativa

Pelas pesquisas e por estudos que foram sendo aprofundados, para a certificação de um resultado positivo na cirurgia de refração, surgiram inúmeras técnicas a serem utilizadas durante esse procedimento.Vamos conhece-las? Confira aqui os detalhes da cirurgia da miopia. 

Lasik

É a correção do grau, utilizando o laser na camada interna ocular. Ela é considerada uma técnica positiva, até mesmo por apresentar uma rápida recuperação.

PRK

Compreende um método utilizado em pacientes que possuem córnea fina e assimétrica, pois o laser é aplicado na superfície da córnea. Nesse caso, a exposição ao sol deve ser evitada, por um ano.

PTK

Conhecido como ceratectomia fototerapêutica, é realizado na superfície corneana. Normalmente, esse procedimento é utilizado em casos de doenças da córnea, podendo, também, regularizar a superfície dela, influenciando a visão.

Lentes fácicas

Identificadas como as lentes de artisan ou artiflex, elas são implantadas no olho e possuem como propósito a correção de altos graus refrativos. Essa técnica cirúrgica é realizada com anestesia local, não havendo necessidade de internação.

cirurgia refrativa lasik

Exames pré-operatórios para a cirurgia refrativa

Para a realização de qualquer cirurgia, necessita-se fazer um estudo aprofundado do caso do paciente. Alguns exames tornam-se indispensáveis para que ocorra esse procedimento.

  1. Refratometria sob cicloplegia: é caracterizada pela avaliação do grau ocular, após dilatação das pupilas;
  2. Tonometria: compreende a medida da pressão intra ocular;
  3. Mapeamento da retina: é a avaliação do fundo do olho, por meio da oftalmoscopia indireta. Também é preciso a realização de exames mais detalhados das condições da córnea,por outros exames, como:
  • Topografia corneana ou Ceratoscopia Computadorizada: é o mapa do relevo corneano, que é realizado em um aparelho computadorizado, próprio para essa descrição;
  • Paquimetria: compreendeum exame que mede a espessura da córnea;
  • Microscopia especular: refere-se à contagem das células corneanas;
  • Orbscan II: é um equipamento que visa fornecer uma visão completa, tridimensional, das diferentes estruturas oculares.

Após a análise dos exames e a confirmação positiva de que a cirurgia é possível, é necessário estar atento aos cuidados que deverão ser tomados depois da realização do procedimento.

cirurgia refrativa pós operatório

Pós operatório da cirurgia refrativa

Normalmente, o pós-operatório desse tipo de cirurgia é bem tranquilo. Porém, alguns cuidados são sempre apontados pelos especialistas do assunto.

A sensação de um corpo estranho no olho, após a cirurgia, é algo considerado normal, assim como, um pouco de ardência e lacrimejamento.

Em alguns casos, são solicitados o uso de colírios específicos para o pós-operatório. O paciente deverá, também, realizar algumas consultas seguidas, após a cirurgia, a fim de garantir a segurança no procedimento.

Geralmente, a visão, em um processo de recuperação da cirurgia refrativa, volta a ser normalizada em algumas semanas. Em alguns casos, as pessoas retornam à rotina no dia seguinte ao procedimento.

O valor da cirurgia de refração é algo que preocupa muito as pessoas que desejam realizar o procedimento, mas, apesar de não ser algo muito barato, os profissionais facilitam o pagamento, possibilitando a conquista de um sonho que objetiva uma visão perfeita.

Se você pensa em realizar uma cirurgia refrativa, saiba que esse é um procedimento seguro e muito positivo para a saúde visual. Porém, torna-se necessário a procura por um profissional capacitado e de confiança, sendo a visão fundamental para a qualidade da vida humana.

Recomendados para você:


Ajude a melhor ainda mais o site, avalie:

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (No Ratings Yet)
Loading...

Leave a Reply