Cirurgia de Glaucoma (Trabeculectomia ) – Pós operatório, O que deve saber

A cirurgia de Glaucoma é feitas nos olhos. Ela serve para drenar a pressão intraocular que pode levar a lesões muito graves no nervo óptico. Somente por meio desse procedimento é possível diminuir a pressão e evitar problemas de visão em estágios mais avançados da doença.

A perda de visão pode ocorrer após uma pressão intraocular, isso porque as células ganglionares (nervo óptico) são as responsáveis pela condução das imagens da retina ao cérebro.

cirurgia de glaucoma

Quais as causas da Glaucoma?

Nossos olhos possuem um sistema de formação de líquido na parte interior, ele é chamado de “humor aquoso“, que tem a função de preencher toda a parte da frente do olho.

Esse líquido sai através da córnea e da íris, entretanto, quando esses dois canais são bloqueados, a PIO pode sofrer um aumento que leva à danificação do nervo óptico, em que a visão pode ser perdida de forma gradual.

causas do glaucoma

O Glaucoma pode ter causa hereditária, entretanto, alguns medicamentos e doenças podem favorecer o aparecimento da doença, como:

  • Uso de corticóides;
  • Uso de colírios dilatadores;
  • Problemas com a circulação sanguínea, que pode levar a uma redução de sangue no nervo óptico;
  • Hipertensão arterial;
  • Diabetes é uma das principais causas do Glaucoma;
  • Obstrução do trabéculo;
  • Inflamações do corpo ciliar, que aumentam a produção de humor aquoso.

Quando a cirurgia de Glaucoma é indicada?

Antes de recorrer à cirurgia de Glaucoma, outros recursos são utilizados para tentar diminuir a pressão ocular. Geralmente, o uso de colírios é uma alternativa para conseguir bons resultados e dispensar o procedimento cirúrgico.

No entanto, em alguns casos, o colírio não é o suficiente para reduzir a pressão ocular e impedir que o Glaucoma evolua.

Nesses casos, a cirurgia de Glaucoma é indispensável.

Como funciona a cirurgia do Glaucoma?

O procedimento cirúrgico realizado chama-se Trabeculectomia.

Na Trabeculectomia é feito uma cirurgia tradicional, na qual os líquidos dos olhos são drenados, com o objetivo de reduzir a pressão intraocular. Esse procedimento exige o uso de anestesia no local, para que o paciente não se sinta desconfortável.

O procedimento leva, em média, de 40 a 50 minutos. O paciente tem alta no mesmo dia.

Pós-operatório

O pós cirúrgico da Trabeculectomia inclui:

  1. Retornar ao médico um dia após a Trabeculectomia, para avaliação. Nesse dia, serão combinadas as visitas regulares, para fazer a medição da pressão ocular;
  2. É necessário usar colírios de origem antiinflamatória ou antibiótica, após a cirurgia de Glaucoma;
  3. É comum sentir ardência nos olhos e alguns desconfortos após a Trabeculectomia, mas o uso de analgésicos ajuda a reduzir esses sintomas;
  4. O paciente precisa repousar por 15 dias, após a cirurgia de Glaucoma, não pode carregar peso, dirigir, apertar e coçar os olhos e nem realizar atividades físicas. Atividades no computador, celular, TV e leitura não são alteradas.
  5. É preciso esperar a visão voltar completamente para dirigir.

Quais os riscos da cirurgia de Glaucoma?

Todo procedimento cirúrgico pode trazer riscos, entretanto, isso pode variar de acordo com a gravidade do Glaucoma. É claro que quanto mais o problema estiver avançado, maiores são as possibilidades de riscos e complicações.

Na maioria dos casos, os ricos são raros, mas, podem ocorrer infecção, hemorragia ou deslocamento da coróide.

A questão é que a cirurgia de Glaucoma é o ultimo recurso para controlar a pressão ocular, e se isso não for feito a doença pode evoluir e o paciente perder totalmente a visão.

Considerando a gravidade do problema, pode-se concluir que os benefícios da Trabeculectomia são maiores que os riscos.

Preço da cirurgia de Glaucoma (Trabeculectomia)

A cirurgia de Glaucoma tem cobertura da maioria dos planos de saúde, inclusive, do Sistema Único de Saúde (SUS), que oferece assistência aos portadores da doença, com medicamentos, consultas e cirurgia.quanto custa

A Trabeculectomia na rede particular pode ter seu preço variado, já que isso depende de inúmeros fatores, como hospital, anestesista e o médico. Geralmente, os valores giram em torno de R$3 mil a R$8 mil reais.

Os valores corretos só podem ser informados mediante consulta médica, após exame clínico no paciente.

É importante lembrar que o Glaucoma é uma doença grave e crônica, ele carece de acompanhamento de um oftalmologista sempre, mesmo após o procedimento cirúrgico.

Recomendados para você:


Ajude a melhor ainda mais o site, avalie:

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (1 votes, average: 1,00 out of 5)
Loading...

Leave a Reply