Candidíase no Homem – Tudo que você precisa saber!

A candidíase é uma doença inflamatória da região dos órgãos genitais, principalmente da glande, prepúcio e toda a região do órgão reprodutor masculino, ela é causada comumente pelo fungo Candida Albicans. Embora seja mais frequente em mulheres, a candidíase pode surgir também nos homens, tanto crianças como adultos, o que a caracteriza como não exclusiva como uma doença sexualmente transmissível, mas também por secreções ou má higiene no local.

Tanto no homem quanto na mulher, a candidíase pode afetar diversas partes corporais, em especial: os órgãos genitais, corrente sanguínea, boca, unhas, pele e garganta. Em casos mais sérios, ela pode passar a atormentar órgãos internos como o coração, sistema nervoso central, esôfago, laringe, rins e outros.

A doença na verdade, é uma infecção causada pelo crescimento excessivo do Candida Albicans, pois ele é um fungo presente no corpo humano em pequena quantidade, porém, há situações em que ele pode crescer e causar sintomas diversos, desagradáveis e ameaçadores.

Há o seu crescimento descontrolado quando:

  • O sistema imunológico está enfraquecido,
  • Há um uso demasiado de antibióticos, o que altera a flora comum das bactérias existentes no nosso corpo.

Dessa maneira o fungo se reproduz em maior quantidade e mais profundamente na pele, causando a infecção.

Causas e Sintomas da Candidíase no Homem

A Candida, em alguns casos, especialmente na candidíase peniana, pode ser transmitida durante a relação sexual – quando a própria mulher possuir grande quantidade do fungo na vagina, podendo, por isso, transferir para o pênis.
De todo modo, a candidíase no homem pode também surgir através de outros fatores de risco, tais como:

  • Má higiene do pênis,
  • Diabetes mellitus,
  • Quimioterapia,
  • Uso de drogas,
  • Sexo oral com pessoa contaminada,
  • Contato sexual com parceira infectada, sem uso de preservativo,
  • Consumo frequente de remédios, tais como antibióticos, antidepressivos e corticoides,
  • Doenças que deixam o sistema imunológico enfraquecido: AIDS e lúpus, por exemplo.

tratamento-para-candidiase-masculina

O sintoma da candidíase pode causar sérios desconfortos na vida como um todo, principalmente porque a candidíase que apresenta lesões impede o homem de ter relações sexuais para evitar o contágio da parceira(o)  ou altera o seu desempenho sexual, causando ardência e desconforto.

A infecção peniana em homens pela Candida se manifesta como uma balanite (infecção da glande). Assim, os sintomas mais comuns em homens com candidíase são:

  • Vermelhidão, inchaço, dor e placas esbranquiçadas na glande,
  • Coceira,
  • Corrimento semelhante ao sêmen,
  • Ardência ou dor durante a relação sexual,
  • Descamação da pele,
  • Placas brancas sobre a pele,
  • Pequenas bolhas, úlceras e feridas,
  • Dor ao urinar.

É importante estar atento para o aparecimento de reações, pois os sintomas num primeiro momento podem passar desapercebidos. É comum que a consulta com o médico urologista aconteça só depois de um longo momento

Ela não se manifesta somente na região genital do homem, mas também pode aparecer em locais como o couro cabeludo, garganta, unhas, pele e a boca, por isso fique sempre atento aos sinais diferentes que o seu corpo apresenta.

Como é Feito o Diagnóstico e o Tratamento?

O diagnóstico da candidíase no homem pode ser feito através de uma avaliação clínica do pênis, além de um exame laboratorial que irá coletar uma amostra mínima das lesões para analisar a presença ou não do fungo Candida.

O tratamento, quase sempre, é feito através do uso de medicamentos antifúngicos (em creme, pomada ou comprimidos). Além disso, é interessante que o homem com candidíase tome alguns cuidados durante o tratamento:

  • Evitar relações sexuais,
  • Manter a região genital limpa e seca,
  • Evitar o consumo de alimentos gordurosos, açúcares e bebidas alcoólicas,
  • Não fumar,
  • Beber água em abundância,
  • Consumir maior quantidade de verduras e hortaliças.

remédios-para-candidiase

Vale ressaltar que a candidíase é uma infecção que pode voltar, e para isso, o homem pode se prevenir através de algumas medidas:

  • Ter uma dieta adequada para manter o sistema imunológico fortalecido,
  • Usar preservativos em todas as relações sexuais,
  • Ter a região peniana bem higienizada,
  • Roupas apertadas, molhadas ou quentes também devem ser evitadas!

Os medicamentos mais indicados para o tratamento dessa doença são o Clotrimazol, Miconazol e o Fluconazol, aplique ou tome a dose indicada pelo seu médico, procure não se auto medicar. A média do tratamento da candidíase no homem é de 7 até 10 dias, variando da gravidade da doença.

É preciso prestar atenção pois a candidíase pode representar uma possível diabetes, por isso, fique atento aos exames.

A candidíase tem cura, mas é preciso seguir à risca as indicações de tratamento para que ela não torne a voltar e causar novas lesões na pele. Homens que tem candidíase recorrente devem apostar no tratamento natural com práticas de higienização e prevenção da candidíase oral e peniana.

Tratamento Natural Para Candidíase no Homem

tratamento-natural-para-candidiaseVocê também pode fazer o uso do chá de uva-ursina, conhecido por ser um remédio natural para o tratamento de candidíase no homem, ele ajuda a evitar a reprodução do fungo na área afetada.

Você vai precisar de:

  • 1 Xícara de água quente,
  • 2 colheres de chá de folhas ou a erva de uva-ursina.

Tome esse chá 3 vezes ao dia, você vai sentir o fortalecimento do organismo, porém, continue usando os medicamentos indicados pelo seu médico.

Não é somente essa receita que é importante colocar no seu cotidiano, como também prevenir contra as causas da candidíase, o tratamento natural para a candidíase peniana é a melhor forma de prevenir que a doença reincida.


Você também Vai Gostar!


O Conteúdo FOi Útil? Deixe seu Voto!

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (13 votes, average: 4,38 out of 5)
Loading...